SEGURANÇA EM GRANJA

GRANJA PASSA A CONTAR COM EQUIPES DO BPRAIO E VIDEOMONITORAMENTO

O litoral cearense continua a receber investimentos para diminuir os índices de criminalidade e garantir cotidiano mais pacífico para a população. Neste sábado (9), o Governo do Ceará implantou o sistema de videomonitoramento e o Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) em Granja. Os moradores do município receberam as ações com muita festa, em solenidade realizada na rua Romeu Martins, no Centro granjense. O evento contou com a presença do governador Camilo Santana, acompanhado do secretário da Segurança Pública e Defesa Social, André Costa, da prefeita de Granja, Amanda do Romeu, e de autoridades policiais. A cidade é a 15ª do Interior cearense a dispor do sistema de videomonitoramento integrado. Serão 17 câmeras distribuídas em pontos estratégicos, entre as com giro 360 graus, as com tecnologia para ler placas de veículos, além de uma câmera interna na sala de videomonitoramento.
“Estamos comprando e equipando a Polícia no Estado com o que há de melhor para combater a criminalidade. Essas câmeras vem para ajudar, com tecnologia, na identificação de ocorrências em todos os locais de Granja. Mesmo com o efetivo de muitos homens, é impossível estar em todos os lugares, portanto esse sistema vai ajudar com detalhes a acionar nossos policiais e buscar os bandidos onde estiverem”, detalhou Camilo.

Com o BPRaio de Granja, já são 26 grupamentos exclusivos espalhados por cidades do Interior. A cidade terá equipe de 37 policiais do batalhão, com apoio de 16 motos e uma viatura 4×4. O investimento de R$ 1,1 milhão para o equipamento.

Em discurso, o governador destacou que a presença do batalhão, por onde ele foi instalado no Ceará, trouxe aos cearenses a sensação de mais tranquilidade nas ruas.

“O maior resultado do Raio é quando a gente faz a pesquisa de avaliação da população. Impressionante como, em toda a cidade que foi implantado, a população aprova e identifica que reduziram os crimes, que a sensação de segurança é maior. Os nossos dados de indicadores têm mostrado que nunca se prendeu tanto no Ceará. Aumentou número de presos, o número de apreensões de drogas, reduzimos homicídios. É um projeto que tem dado resultado.”

com informações do Governo do Ceará